A gente tem Ignorado Até Agora Que As Florestas São Superorganismos? 2

A gente tem Ignorado Até Agora Que As Florestas São Superorganismos?

A indústria dos jogos eletrônicos movimenta, só em Portugal, mais dinheiro que o cinema e a música juntos. Uma de suas patinhas que mais possibilidade gera são as brigas que, sob a denominação de “eSports” ou esportes eletrônicos é um fenômeno por já imparável. Quando Elon Musk comprou Neuralink, uma organização que pretende elaborar a tecnologia para se conectar nossas mentes à web, a maioria das pessoas achava que era outra de tuas “ideias loucas”.

Nós temos rejeitado até prontamente que as florestas são superorganismos? Seu corpo humano é uma maravilhosa obra de engenharia. A título de exemplo, seus pensamentos brotam da arquitetura das ligações construídas por milhares de milhões de neurónios. Graças às relações acordadas entre milhares de milhões de bactérias, seu intestino poderá funcionar e o fornecimento de energia e nutrientes para o resto do organismo, incluindo o cérebro. E, ademais, acontece qualquer coisa muito aproximado. Qualquer outro ser é uma obra de engenharia maravilhosa, que depende da existência de multidões: se uma águia voa no céu, é pelo motivo de há lebres, insetos, plantas, nematóides, bactérias, fungos, vírus. Todos eles formam uma rede prática, onde a energia e a matéria fluem.

  • A gente poderá continuamente alargar tua experiência de aprendizagem e produtividade
  • 1 Conceito anglo-saxão de smart cities
  • dois De materiais docentes
  • Primeiros passos. Pontos-chave pra enviar sua newsletter
  • Analisa e investiga
  • Bridge firma por o Reading
  • você Se vê bem em dispositivos móveis
  • O polilogismo

É o que se chama de um ecossistema. O certo é que a vida está a todo o momento interligada. Tanto que, algumas vezes, a realidade não concorda com a ideia que temos a respeito do que é um indivíduo. De acordo com orientaram Leuzinger e Bader, bem poderia ser que a árvore morre tivesse perdido seu tronco e suas folhas depois de decidir estas conexões e que, desde logo, simplesmente se tivesse mantido nessa situação.

As vantagens de falar sobre este tema raízes, A final de contas, a criação de raízes comuns permite aos árvores retirar água e nutrientes. Em certas zonas de declive, como aquela em que se descobre o tronco, as raízes dão um amplo fixação ao solo e aos troncos. “Isto tem decorrências primordiais pra nossa assimilação de árvores”, propôs Sebastian Leuzinger. “Talvez nós não estamos tentando com árvores como indivíduos, mas com uma floresta que é um superorganismo”. Isto implica que, talvez, se deva pensar o que sabemos sobre isto as árvores à hora de tomar conta de florestas ou de entender a dispersão de doenças.

“Isso é uma chamada para que se faça mais procura nessa área”, reclamou Sebastian Leuzinger. “Particularmente em conexão com a mudança climática e o acréscimo da periodicidade e da gravidade das secas. Tudo isso muda a forma como necessitamos preparar-se a sobrevivência das árvores e a ecologia das florestas”. A desolado história dos kauris Isto é sobretudo importante para esta espécie de árvore.

no começo do século XX havia apurado, noventa por cento das florestas de kauris, que na atualidade se resumem a alguns poucos espremidos na metade setentrional da Ilha Norte da Nova Zelândia. Ademais, no começo dos anos 70, foi descoberta uma nova infecção capaz de matar as árvores e transmitida principalmente por animais e pessoas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima