111-114 Et 217-222. Joannès, 2019, P 2

111-114 Et 217-222. Joannès, 2019, P

Assíria é uma antiga região do norte da Mesopotâmia, que leva o seu nome da cidade de Aššur —do mesmo nome que Assur, a tua divindade tutelar—, que data de 2600 a. C.. Fundada às margens do rio Tigre, era originalmente uma série de cidades de língua acádia pela localidade. No século XXV e XXIV a.

A.c., os reis assírios foram os líderes pastorais. Desde o conclusão do século XXIV a. A.c., os assírios se tornaram súditos de Sargão de Acade, que uniu todos os povos acádios e sumérios da Mesopotâmia ante o Império acádio, que durou de ca. 2334 até 2154 a. A partir dessa região se formou, no II milênio a. C, um robusto reino que depois tornou-se um império, que por excelência é associada com a Assíria. Também foi conhecido como Subartu e, após o seu declínio, como Athura, Syria (em grego velho), Assyria (em latim) e Asuristán. No instante de máxima expansão, entre os séculos VIII e VII a.

  • Jalu (discussão) 01:58 um abr 2017 (UTC)
  • Março (4)
  • Marketing em mídias sociais – Comunicação em mídias sociais
  • Zandio se retira de Volta, após sofrer uma queda Em directo: Assim se a gente tem a 10ª etapa
  • três O caso do Saara

C., Assíria controlava um território que hoje são, no todo ou em cota, os países da Síria, Líbano, Turquia, Iraque e Irã. A asiriología —disciplina que estuda a Assíria antiga e mais amplamente da Mesopotâmia antiga—, distingue três fases na história assíria, sabendo que antes de cerca de 700 a. C. as datas são aproximadas: o tempo além disso, desde o século XX no começo do século XIV. C.; o tempo medioasirio, ao 911 a. C.; e o período neoasirio, até 612-609 a. C., data do final do reino assírio.

Esquematicamente, ao longo do primeiro período, Assíria, se resume à cidade-estado de Aššur, conhecida pelo dinamismo dos seus mercadores. O segundo tempo viu o nascimento do reino assírio, como tal, um robusto estado territorial, que, no entanto, se enfraqueceu significativamente pela modificação do II pro I milénio a.

C.. O terceiro período viu a Assíria tornar-se gradualmente em um império, graças em peculiar ao seu formidável exército. Foi neste período que a Assíria é mais conhecida, graças às descobertas do século XIX nas capitais sucessivas, Aššur, Kalkhu (Trojan), Dur-Sharrukin (Jorsabad) e Nínive (destruída em 612 a.

Foi também o poderio nesse Império e de seus soberanos, o que permitiu que a memória de Asiría continuasse pela tradição da Bíblia e dos autores gregos clássicos. A localidade da Assíria caiu desta forma ante o controle sucessivo dos impérios, pavor, persa, macedônio, selêucida, parto, romano e sassânida. Entre meados do século II a.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima